a beleza e a Felicidade

A felicidade é estar de bem com a vida e amar-se.

Faz parte do nosso amor próprio cuidarmos do nosso corpo e da nossa mente.

Cuidar de si mesmo deve ser uma prioridade, mantendo a nossa essência o mais presente possível.

 

Os cuidados corporais, a busca da estética facial e corporal são geradores de autoestima, satisfação, felicidade, liberdade, bem-estar psíquico e bem-estar social. Podem ser, também, meios eficazes de integração familiar, social e profissional, bem como motivadores para enfrentar as vicissitudes existenciais.

Para Foucaul, quando um cidadão consegue desenvolver e aprimorar o seu jeito de ser, cuidando de si mesmo, inclusive no sentido físico e estético, enaltecendo a autonomia, a liberdade e a convivência com o outro, torna-se o artífice da sua beleza e faz da sua vida uma obra de arte, moldando-se, denominada de “Estética da Existência”.

 

Assim, há uma relação entre estética e felicidade, porque o cuidado de si requer a valorização tanto da beleza interior, dos valores e virtudes da alma, quanto da beleza exterior, ligada a estética corporal e facial.

É necessário um equilíbrio entre beleza interior e exterior para alcançar a felicidade, porém com preponderância da “Estética da Existência”, da estética interior, capaz de promover conhecimento e cuidado de si, de autoconhecimento, de sabedoria.

Já o cuidado da imagem corporal com a estética exterior é um caminho, um meio, um instrumento de inserção social e busca de uma felicidade mais duradoura.

Não há beleza maior do que aquela que vem acompanhada de felicidade.

A beleza da alegria e da felicidade não tem comparação, porque é uma beleza inexplicável, que só sabe ver quem vive a felicidade diariamente.

Decida ser feliz. Escolha deixar a felicidade entrar.

Tudo pode mudar a partir da sua decisão de abandonar tudo o que não lhe faz bem, tudo aquilo que impede a sua felicidade.

 

Não perca tempo, seja feliz hoje mesmo!

Adriana Siquara

Médica Dentista

Medicina Estética

 

A prática da massagem

como remédio para a felicidade

O stress tomou conta da nossa rotina. São tantos os compromissos, problemas, pressão, que acabamos por ligar o piloto automático e esquecemos que existe alguém a precisar de cuidado e atenção. Este alguém somos nós, que assumimos o papel de profissional, pai ou mãe, com agenda lotada e compromissos inadiáveis, colocando a preocupação com a saúde e bem-estar para depois como se fosse algo sem importância e que pudesse esperar. 

 

 

Sabia que a massagem é totalmente indicada nos dias atuais?

Quando nos sentimos stressados, o nosso organismo libera um hormônio chamado cortisol e durante uma sessão de massagem, o cortisol sofre uma redução considerável, elevando a sensação de bem-estar e prazer. Portanto, podemos dizer que a prática da massagem, pelo menos uma vez por semana na nossa rotina, é considerado remédio para enfrentar o stress. 

 

A massagem atua sobre o sistema nervoso central, promovendo um efeito sedativo através da pressão sobre os nervos sensitivos do corpo, além de melhorar a circulação sanguínea, a oxigenação do cérebro e a manutenção dos músculos. Os diversos tipos de massagens reduzem a hipersensibilidade e podem melhorar as cicatrizes. Além de todos esses benefícios a massagem ainda contribui para uma pele hidratada, tonificada e jovem. 

 

Felicidade e massagem, são duas coisas que caminham juntas. 

Joana Freitas

Terapeuta Medicina Integrativa e Estética